quarta-feira, junho 24, 2015

Cinéfilos: Maio/15

. .


Maio foi um mês cheio de idas no cinema e de blockbusters, digno de cinéfilos!

Reforçando, apenas deixo as minhas (pequenas) opiniões sobre eles. Se quiser saber mais sobre o roteiro, atores e etc é só clicar no título e daí você pode ver mais informações diretamente no Filmow. E se o filme tiver algum livro no qual foi baseado, vocês verão a indicação no final. 
Entre abelhas - Para ser sincera, fomos assistir este filme porque quando chegamos para comprar os ingressos as sessões do Vingadores já estavam lotadas. É um filme bem diferente e apesar de o Porchat ser o personagem principal ele é mais para o lado do drama. Esse é um dos principais problemas pois achei que a história se perdeu um pouco entre a comédia e o drama e acabou ficando um pouco sem sentido. A ideia é boa (poderia ser uma excelente história!), tem cenas engraçadas (algumas um pouco forçadas), mas no geral não é um grande filme. A conclusão da história deixa muito a desejar também. Enfim, saí com aquela sensação de filme bem mais ou menos.
Livro: Não possui.

Vingadores: Era de ultron - Eu gosto dos filmes dos Vingadores, vamos deixar isso claro, então saí satisfeita da sessão. E tem muitas cenas para exibir os homens bonitos que fazem a série (oi Capitão América!), o que já faz as mulheres saírem ao menos achando o visual do filme bom. Porém também achei muito do mesmo, com as mesmas piadas de sempre (que já estão cansando), excessivas cenas de lutas para poder mostrar os poderes de cada um (inclusive o início do filme já é meio frenético), e acaba sendo uma história que não se fecha. Isso é o que mais tem me irritado nos filmes da Marvel, que querem juntar um filme com o outro mas SEM SER DA MESMA HISTÓRIA. Ou seja, para entender tudo de forma completa tem que se ver todos os filmes, de todos os super-heróis. Por exemplo, a continuação de um pedaço dessa história vai estar no Capitão América 3, onde devem aparecer uma série de personagens, até o Homem-Aranha! Sinceramente, está virando mistura demais para o meu gosto. Mas o Capitão América.... ai ai... 
Livro: Não possui.
Será que? - Esse estava na minha lista de "quero ver" há tempos, e aproveitamos a junção de uma noite livre + filme no Netflix para assistir. É um filme bem simples, muito fofinho, engraçadinho, ótimo para descontrair. Tem romance, tem comédia, tem coisas previsíveis, tem sotaque britânico, tem tudo.  Bem leve, adorei! O casal tem uma química muito boa, é daqueles que dá vontade de assistir mesmo. E de quebra tive a oportunidade de ver mais alguma coisa com o Radcliffe, que fazia tempo que não via. 
Livro: Não possui.
Mad Max: A estrada da fúria - Não vi os filmes anteriores do Mad Max, e pelo trailer já achei que não era bem o meu tipo, mas fomos assistir. Não vou dizer que é terrível, mas é um filme sem história - o que o trailer mostra é bem o que temos. Para ter ideia, o personagem principal mal fala! São muitas cenas de ação, de corridas, de coisas completamente loucas. Sejamos justos, dizem que os outros também são assim então quem já conhecia a franquia achou bom. É visualmente muito interessante, inclusive em uma perseguição que tem um Garoto de Guerra tocando guitarra em cima de um carro! Muito doido mesmo. Contudo, sinceramente achei que faltou muita história, enredo e diálogos para preencher o tempo. Ao mesmo tempo fiquei curiosa para assistir o primeiro, para ver se explica um pouco sobre esse mundo (já me disseram que não, mas sou teimosa). Pela crítica foi muito elogiado.
Livro: Não possui.
Terremoto: A falha de San Andreas - A-D-O-R-E-I! Desde criança sempre amei filmes de catástrofes (Inferno de Dante, Impacto Profundo, etc etc) então estava com boas expectativas para o filme - ainda mais depois da decepção que tinha sido o "2012". Ele tem tudo o que um filme de catástrofe precisa: um romancezinho, uma família legal para apresentar a história, inundação da cidade, prédios caindo, barcos em um tsunami quebrando prédios, os personagens principais quase morrendo e conseguindo escapar, tudo tudo tudo que é necessário! Quem gosta desse tipo de filme não vai sair arrependido - tem aquele roteiro previsível que todo mundo ama. 
Livro: Não possui.

4 comentários:

  1. Estou querendo ver os vingadores mais pelo fato de que vi o primeiro do que por estar tão empolgada...mas esse Será que? do Daniel estou afim faz tempo porque parece ser um filme leve e fofinho pra ver com o maridão :)

    ResponderExcluir
  2. Tami-flor,
    Seu post foi um tapa na minha cara! (rs) Menina, meu sogro queria muito assistir Terremoto e não me dignei SEQUER a ver o trailer quando recusei. Que tristeza, parece ser um filmão! Enfim, dos demais, queria ver Entre Abelhas e parece que vale a pena esperar sair do cinema para ver no conforto de casa, pois não é lá grande coisa. Também achei Vingadores 2 mais do mesmo. Eu assisti Será Que? e gostei. Recomendo, do Netflix, o filme Amaldiçoado. Eu gostei, embora o final seja um pouco "meia-boca". Meu sogro e meu marido viram Mad Max e voltaram como você, decepcionados. No caso deles, flor, foi justamente por conhecerem a versão original. Faltou enredo, faltou caracterização do personagem. Quero ver para ter minha própria opinião, um dia.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Sobre os encaixes que a Marvel tenta fazer, estou acompanhando a maratona de ordem cronológica da marvel no banco de séries para poder me situar bem, pois até se você não ver os créditos dos filmes tá perdendo algo de importante, é por causa disso (e o fim de semestre) que ainda não vi Vingadores: Era de Ultron.
    Será que? eu tenho vontade de ver, mas sempre vou enrolando, mas quando eu tiver com vontade de ver alguma comédia romântica já sei para onde correr!

    ResponderExcluir
  4. Realmente ultimamente os lançamentos do cinema tem chamado extremamente a atenção, pelas apostas altas e títulos super interessantes. Desses filmes que tu listou estou doida pra assistir Os Vingadores, não pude ver no cinema, então estou esperando sair em DVD kkkkkkkkk Será Que também me parece um bom filme, apesar de eu não curtir muito o ator (ok, me julguem kkk)

    ResponderExcluir