quinta-feira, abril 18, 2013

Resenha: As duas faces do destino

. .


As duas faces do destino
Autor: Landulfo Almeida
Editora: Novo Século
Páginas: 488
Link no Skoob:
Um livro para os amantes de ficção científica com uma narrativa bem construída que mistura física, biomedicina, nanotecnologia e bolsa de valores. Conheçam mais uma literatura nacional lançada esse ano.
 
Bruno é um cara de classe média que tem uma vida boa, porém sem graça e sem novidades. Até que ele conhece a bela Adrianna, uma mulher que vira a vida dele de cabeça para baixo.
"Os pássaros em revoada pareciam dar o alarme geral na floresta de eucaliptos, provocando a atenção dos animais silvestres para os passos humanos, intrusos naquela habitat. Nervosos, os dois homens atravessavam apressados por entre as árvores milimetricamente plantadas." (primeiras linhas, pág. 12)
Adrianna vem de um planeta de outra dimensão, Aqua, porém parece completamente humana, apesar de ter inteligência e capacidade física muito acima do normal. Ela está no planeta para prevenir que seu inimigo Kerligan domine a Terra. Para isso, vai precisar contar com a cooperação de Bruno.

Kerligan não é um vilão do tipo que vai chegar e destruir tudo com uma guerra. Ele é uma pessoa inteligente que usa suas capacidades bem desenvolvidas para dominar o mundo financeira e intelectualmente. Para não chamar atenção ao fato de que Adrianna também está no planeta, ela passa seus ensinamentos a Bruno para que o mesmo tenha as mesmas capacidades de seu inimigo e possa enfrentá-lo à altura, especialmente caso precise de um confronto mais direto. Mas, afinal, porque ambos estão na Terra? Este é apenas um dos mistérios a serem resolvidos.

Uma boa parte do livro nos conta como Bruno consegue sair da classe média para se transformar em um bilionário empreendedor. Somos apresentados ao mundo da Bolsa de Valores, crescimento de empresas e várias coisas que envolvem o mundo dos negócios. Bruno acaba montando uma empresa com seus amigos que tem o objetivo de, além de rivalizar com os empreendimentos de Kerligan, criar uma Terra baseada em energias renováveis e livre de doenças como câncer e Alzheimer - assim como era Aqua.

Landulfo criou uma história praticamente à prova de falhas. Tudo é muito bem explicado e embasado: como aquela pessoa que veio de outro planeta e o cara de classe média conseguem dinheiro sem chamar muita atenção, como as pesquisas das empresas são conduzidas de forma coerente com a tecnologia que temos hoje, como seus amigos compreendem a situação especial em que se encontram, entre outras coisas. Para quem gosta de uma história bem explicada, onde as coisas simplesmente não "acontecem" por acaso a narrativa é impecável. 

Não diria que é um livro de ação, apesar de termos boas passagens com essa temática. Assistimos os protagonistas travarem principalmente uma guerra fria buscando conhecimento e dinheiro através de sabotagens e espionagem. Focamos mais na base do que na linha de frente. Além disso, o livro trabalha muito a amizade entre os protagonistas e alguns romances.

Para mim o livro poderia ser mais sucinto na parte inicial. Apesar de ser interessante para sabermos como Bruno consegue ficar rico de forma tão rápida, não sentiria falta se essa parte não existisse. Ou simplesmente se Bruno já fosse rico desde o início e apenas conseguisse triplicar sua fortuna. Acho que partindo direto para o início/meio da vida da empresa a história se tornaria mais dinâmica. Esta parte que envolve uma básica explicação sobre ações e a Bolsa é útil para nos ambientarmos com os personagens, porém não me pareceu tão necessária ao desenvolvimento da história.

Em resumo, é um livro bom e muito bem escrito. Encontrei algumas poucas falhas de digitação, porém nada que atrapalhe. Para quem gosta de ficção científica, de livros que explicam bem o seu contexto e quer conhecer um mundo onde a cura de todas as doenças é possível, recomendo!
"Sou humana sim, mas não sou como você ou qualquer pessoa que você conheça. Eu enxergo melhor, ouço melhor, processo informações mais rapidamente, tenho um controle bem mais fino sobre o meu metabolismo e meus músculos. E, principalmente, utilizo muito mais as potencialidades do meu cérebro." (pág. 72)
Bom

21 comentários:

  1. Eu não gosto muito de ficção científica ou coisa do gênero e realmente não me interessei pela história. Acho que as partes bacanas foram: História fechadinha, sem margens para "erros" e a questão de abordar um pouquinho do mercado financeiro (que acho bem interessante!).
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Tb não sou fã de ficção científica. Mas aqui vale dizer que a ficção apresentada não deixa de contribuir com explicações embasadas em fatos reais, que vão explicando e até dando 'substância' para que o autor construa uma história bem contada.
    Valem as informações, para quem desconhece, sobre as transações financeiras, além do foco nos problemas ambientais que vivemos - fica uma boa mensagem.
    Não li o livro, mas concordo que ás vezes a história fica morna pelo excesso de explicações, mas ainda assim prefiro que seja dessa forma, pq tem histórias por aí que simplesmente as coisas 'acontecem', não são explicadas, me sinto um tanto perdida.

    ResponderExcluir
  3. Eu adoro vilões que invés de ruins são inteligentes, isso torna tudo mais divertido!
    Foi o que mais me atraiu na sua resenha para o livro, sabe aquilo que chamou atenção para ler? Pois isso torna mais interessante.

    ResponderExcluir
  4. Gostei da resenha e de conhecer esse livro, a cada dia a literatura nacional vem me surpreendendo cada vez mais e é legal ver a dedicação que a NS da para os novos autores. A narrativa parece ser ótima, fiquei curiosa para ler! o/

    ResponderExcluir
  5. Sou amante de ficção cientifica e tô louco pra ler um livro bom nesse tema. Acho que vou dar uma chance para esse livro que, além de ser brasileiro, aparenta sem bom!

    valeu pela resenha :)

    ResponderExcluir
  6. Sou amante de ficção científica e creio que quando ler o livro vou gostar muito. Sua resenha é a primeira que me deixa, realmente, com vontade de ler o livro.

    ResponderExcluir
  7. Adoro livros de ficção científica, são meus preferidos!
    Esse livro parece ser bem do tipo "inteligente", e essa coisa do vilão querer dominar o mundo de forma financeira e intelectualmente, deve ser muito bom!

    ResponderExcluir
  8. Não sou super fã do gênero, mas gosto. Também acho bem interessante a nanotecnologia, apesar de não entender muito. Parece um livro bom, e leria se a oportunidade o fizesse aparecer aqui, ao meu lado, do nada. hehe Não sairia desesperadamente para compra-lo.
    Confesso que acharia bizarro, um mundo onde todas doenças fossem curadas.

    ResponderExcluir
  9. É sempre bom ler suas resenhas e conhecer livros novos, mas eu não tenho paciência pra ficção científica. Não me agrada muito. E eu também não gostei muito da capa (sou altamente influenciada por elas!!).

    ResponderExcluir
  10. Legal esse livro, vi umas resenhas dele mas confesso que não é pra mim. Achei bom, mas nem tanto pra que eu lesse...

    ResponderExcluir
  11. Bem interessante este livro.Não sou fã de ficção cientifica.Mas tem alguns livros que merecem minha atenção.E este é um deles,gostei de como se desenvolve a estoria e também gostei muito por saber que é um nacional.
    E como sempre digo nossos nacionais estão cada vez mais mais conquistando nos leitores.
    Gostei muito da resenha,agora é esperar para comprar e ler.

    Parabéns!

    Beijokas Ana Zuky

    sanguecomamor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Parece interessante, mas só pra quem gosta né, rs. Eu não curto muito ficção científica :/ É um livro muito "inteligente" pra mim! Hahaha.
    Outra coisa ruim é essa parte que envolve o "mundo dos negócios". To fazendo faculdade de Contabilidade e to cheia de negócios, não aguento mais, é chatinho :(
    Mas uma coisa boa é que é nacional, devemos dar todo o apoio!

    Beijos, Flá. { http://pequenascoisaas.blogspot.com.br/ }

    ResponderExcluir
  13. Parece ser muito interessante, eu sou apaixonada por histórias de ficção cientifica.
    Acho que esse livro pode me ajudar a economizar kkkk
    beijos

    ResponderExcluir
  14. Não sou fã de ficção científica, mas o enredo me interessou. Pra mim é novidade o vilão fazer uma dominação mundial silenciosa e inteligência. Muito curiosa pelo livro.

    ResponderExcluir
  15. Oi Tami, tudo bem?

    pois, é, não curto mt ficção cientifica, mas a minha implicância com o gênero é que tem muito livro que cria inúmeras coisas mas deixa muitas pontas, sabe? Pelo que vc disse, não é bem o caso desse livro, né? O que me deixa mais animadinha para ler. =)

    beijos
    Kel
    porumaboaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Ficcao cientifica arrebenta! Na verdade nao sou muito chegada, mas gosto de ler (contraditorio, nao?), esse parece ser um livro no minimo interessante, pena que estou sem grana.
    P.S.: "1 universo, incontaveis galaxias, infinitos planetas, mas nada disto importa, a batalha final e a que decide a vida de todos sempre ocorre na Terra!" Nem lembro quem disse isso, mas toda vez que eu vejo ou leio algo de ficcao cientifica interplanetaria me lembro disso.
    P.P.S.: Nao sei se reparou, mas geralmente meus P.S.s sao ignoraveis rs

    ResponderExcluir
  17. Não curto ficção científica. Já assisti até alguns filmes, mas nunca li nenhum livro.

    Legal a questão dos problemas ambientais em que vivemos.

    ResponderExcluir
  18. A historia parece bem interessante e a capa do livro é super legal eu gostei da historia, gostaria muito de ler esse livro, pois eu gosto de ficção cientifica.

    ResponderExcluir
  19. Apesar do livro ser bem escrito, não faz meu tipo, nunca gostei de ficção científica, nem livros e nem filmes, não é algo que me agrada. Mas parece um prato cheio para quem gosta.
    Bj

    ResponderExcluir
  20. Não gosto muito de ficção científica, mas gostei bastante da proposta do livro, se eu tiver a oportunidade com certeza o lerei!

    ResponderExcluir
  21. Tamires, muito obrigado pela resenha e pelo apoio aos autores nacionais. Um grande abraço a todos que acompanham o blog!

    ResponderExcluir