quarta-feira, março 13, 2013

Músicas que dariam um livro: Love the way you lie - Part 2

. .


Existem músicas e músicas no mundo. Algumas sem muita letra, algumas com uma letra bonita porém meio repetitiva... porém existem músicas que trazem tanta história nas suas letras que poderiam tranquilamente se transformar em um livro. Existem músicas que já vão se transformar até em filme! Duvida? Então conheça a nova seção do blog: Músicas que dariam um livro.



E a música que escolhi para iniciar não tem clipe. Love the way you lie - Part 2 é uma música da Rihanna com o Eminem, "continuação" de Love the way you lie (do Eminem com a Rihanna) que fez bem mais sucesso. A música faz parte do cd Loud, lançado em 2010.

Vamos ver como seria a história desse livro? Não vou colocar a tradução inteira da música, apenas das partes que interessam.
Na primeira página da nossa história
O futuro parecia tão brilhante
Então essa coisa se tornou tão diabólica
Eu não sei porque ainda estou surpresa
Bom, começamos por um belo início de romance. Um casal que se conhece, que se apaixona perdidamente. Passam-se uns meses e o garoto começa a mostrar o seu lado ruim. Talvez por ciúmes, por ser muito inseguro, talvez por não gostar verdadeiramente da nossa mocinha. Vocês escolhem a razão. Mas aí o namoro começa a ficar complicado...
Agora há cascalho em nossas vozes
O vidro está quebrado por causa da luta
Neste cabo de guerra você sempre vai ganhar
Mesmo quando eu estou certa
Brigas e muitas brigas na vida do casal. Violência física, psicológica. Um romance que se transformou em um verdadeiro pesadelo. Um thriller psicológico.

Porque você me alimenta com fábulas na sua mão
Com palavras violentas e ameaças vazias
E é doentio que todas essas batalhas
São o que me mantém satisfeito
Então, talvez eu seja uma masoquista
Eu tento correr mas eu não quero nunca partir
E aí vemos o motivo pelo qual ainda estão juntos: por mais que o amor tenha se transformado em algo doentio, por algum motivo a mocinha ainda gosta do garoto. Que motivo? Escolho dependência, falta de autoestima. O medo de ficar sozinha e nunca mais achar um amor tão bom quanto o que eles possuíam.

Só vai ficar lá e me ouvir chorar?
Mas está tudo bem porque eu amo o jeito que você mente
Não prevejo um bom final para a nossa história. Pela música a mocinha acabaria ficando com o garoto de qualquer forma, mesmo tudo se transformando em algo tão ruim quanto se tornou. Mas eu não gosto de finais tão tristes! Criaria um novo: finalmente alguma fagulha de razão aparece no cérebro da mocinha e ela decide terminar tudo. Ficará mal por um bom tempo, isso é inevitável, mas finalmente descobriria que tudo aquilo que sentiu não era amor. Talvez tivesse algum grande amigo durante esse tempo todo que a fizesse ver tudo isso - e, porque não, iria se apaixonar por ele. Muito clichê?

Acho que a história seria escrita pela Lionel Shriver (de "Precisamos falar sobre o Kevin"). Um drama bem mais psicológico, onde precisaríamos entrar na cabeça dos personagens para curtir a história. Aqueles livros que nos fariam ficar até um pouco abalados. Só espero que a mocinha não faça que nem a Rihanna e volte com o garoto depois de um tempo.

O que acharam da nova coluna? Teriam sugestões para as próximas? Como essa foi a primeira postagem, certamente tem muito o que melhorar. Opinem! :)

13 comentários:

  1. Caraca! Adorei, simplesmente genial.
    Olha, realmente é um drama psicológico daqueles mesmo. E se fosse escrito pela mesma autora de "Precisamos falar sobre Kevin", com certeza sairia uma obra bem tensa, intensa, causando um turbilhão contradições emocionais nos leitores. Seria bacana! rs
    bjs

    ResponderExcluir
  2. KKK, adorei! Como ninguém nunca pensou nisso?!

    ResponderExcluir
  3. Adorei isso! Pior que daria um bom livro mesmo! kkk...

    ResponderExcluir
  4. Adorei, adorei, adorei! Muito boa a ideia da coluna, Tami.
    Eu ador as duas partes da música, mas achoque essa é mais "dramática" por causa da Rihanna cantando e tals. Eu gostei da história que tu criou, pelo jeito vai ser bem psicológica mesmo. Mas, ok, o final é clichê sim... E como eu sou mais chegada a drama estilo O Morro dos ventos Uivantes, acho que ela perdia a razão e acabava matando ele no meio de uma briga. Morte mesmo: sangue pra todos os lados, tiros... Ela desesperada. ~sou má. Pronto, falei.~

    Gislaine,
    http://jeito-inedito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Legal esse post, ;)

    Nunca tinha pensado nisso, kkkkk

    Quem sabe algum autor não "fisga" a sua ideia?

    ResponderExcluir
  6. Já reparei nisso mesmo. Adoro essa músicas que contam uma história e fico imaginando o que isso daria, um filme, um livro mesmo. Seria legal né? Essa é bem triste...nossa, muito boa.
    Adorei esse post, bem criativo e super diferente!

    ResponderExcluir
  7. Ótima coluna, sempre gosto de ler a letras da músicas algumas realmente contam histórias, o que sempre me faz me envolver com a música, por muitas vezes a música conta nossa própria historia, adoro Love the way you lie - Part 2, apesar de gostar mais da com eminem, Rihanna apenas amo.

    ResponderExcluir
  8. Oi Oi Tami!
    Adoreei a coluna! Realmente essa música dá um livro bem legal, e tem várias outras por ai. Tem uma banda que escuto sempre que tem algumas músicas que são verdadeiras histórias, Avenged Sevenfold, é uma das muitas que gosto que traz muito mais do letra e melodia boa.
    Não sou muito fã da Rihanna e nem conhecia essa segunda parte da música, gosto da primeira, e gostei bastante da letra da segunda parte e da melodia também =)

    Beijos da Lua =*
    www.tyciahadiresenhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Boa! Incentiva a criatividade! Aliás, ao ouvir uma música com boa história, quem não fica imaginando a situação ou se identificando com ela?
    Boas músicas viraram filmes, então, que legal se virassem inspiração de livros, né? Olha o exemplo de 'Faroeste Caboclo' e 'Eduardo e Mônica', tudo do Legião, maravilhosamente adaptados e histórias envolventes! Quem sabe os cantores/compositores-autores se inspiram? Tony Belloto já escreve, que tal colocar no papel a história das canções dos Titãs, como 'Pra dizer adeus', 'Marvin' ou 'Go Back'?
    E que legal seria ler a versão de Herbert Viana em 'Óculos'?

    ResponderExcluir
  10. Meu, gostei demais, sério. Nunca tinha visto nada parecido antes, super criativa essa coluna Tami *-*
    E eu não sabia que essa música tinha continuação, só conheço a primeira mesmo, "love the way you lie"
    Essa música daria um livro de um estilo que eu não curto, muito dramático :/ Não teria "maturidade" suficiente pra ler algo assim muito forte.

    Beeijos, Flá. { http://pequenascoisaas.blogspot.com.br/ }

    ResponderExcluir
  11. Música com parte 2, com a Rihanna lindíssima e aqui no teu post super inspirado é tudo de bom.

    ResponderExcluir
  12. Concordo. E sinceramente acho que essa musica é realmente feita pazeado na história da Rihanna...

    ResponderExcluir
  13. Concordo. E sinceramente acho que essa musica é realmente feita pazeado na história da Rihanna...

    ResponderExcluir