quarta-feira, março 27, 2013

Músicas que dariam um livro: I'm gonna love you through it

. .



Preparem os lencinhos: a música e a história de hoje são para chorar. Fãs de Sparks, alguém por aí? Quem tiver um conhecimento razoável de inglês, ouça a música e veja as declarações... são muito bonitas mesmo.

Martina McBride é uma cantora de country dos Estados Unidos. Tem umas músicas bem legais para quem gosta do estilo. A música I'm gonna love you through it é de 2011, do cd Eleven. Ela apareceu no top 100 da Billboard por um tempo também.

Vamos conhecer a história de hoje?

Primeiro imaginem aquela família bonita, um casal que se ama muito, filhos queridos. E então...
Ela deixou o telefone cair e começou a chorar
O médico acaba de confirmar o que ela temia
Seu marido a segura e a abraça forte.
Uma notícia péssima pelo telefone. O que poderia ser? A morte de algum conhecido, alguma doença na família?
O câncer não discrimina
Ou se importa se você tem apenas 38 anos
E três filhos que precisam de você em suas vidas.
Câncer. Um baque na vida da protagonista. Quem não ficaria em pânico ao descobrir isso? Nesse momento ela se desespera, fica pensando em tudo o que está vivendo, nos seus filhos que vão ter que suportar essa fase da mãe...
Ele diz "Eu sei que você está com medo e eu estou também,
Mas você nunca vai estar sozinha, eu prometo a você."
E então seu marido lhe diz que irá dar o suporte necessário. Algo lindo de se ouvir, mas que precisa ser do fundo do coração para ser verdadeiro. Olhem que linda a declaração:
"Quando você estiver fraca, eu serei forte.
Quando você desistir, eu vou aguentar firme.
Quando você precisa chorar
Eu juro que vou estar lá para secar seus olhos.
Quando você se sentir perdida e com medo da morte
Como se não conseguisse dar mais nenhum passo
Apenas pegue minha mão, juntos podemos fazê-lo.
Eu vou te amar através disto."
Só um amor muito forte para fazer isso não é?
Então a protagonista começa a se acalmar, a absorver o impacto e a se preparar para a cirurgia, quimioterapia e tudo mais que é necessário para acabar com a doença.
A cirurgia ocorreu muito bem
Eles disseram que o retiraram a tempo
Mas eles tiveram que tirar mais do que o previsto.
Um alívio e outro baque, ao mesmo tempo. Ocorreu tudo certo na cirurgia, mas o câncer havia se espalhado mais do que o previsto, precisando tirar um pouco mais do que haviam previsto.
E agora são apenas sorrisos forçados e camisetas largas,
Para esconder o que o câncer tirou dela.
E ela só quer se sentir como uma mulher novamente.
Nossa protagonista entra em depressão, fica com baixa autoestima. Acho que quase toda mulher ficaria. É complicado em um mundo movido por imagens a gente ficar, do nada, sem uma parte tão feminina do corpo quanto os seios. Deve mexer muito com a cabeça de qualquer um.
Ela diz "Eu não acho que eu posso mais fazer isso."
Ele tomou-a nos braços e disse: "É pra isso que meu amor serve."
Aquele dia em que a mulher chega em casa arrasada com tudo o que está acontecendo e o marido lhe dá um abraço bem apertado, e diz que estará ali para qualquer coisa. 
E quando esta estrada ficar muito longa
Eu serei a rocha na qual você se apoiará
Apenas pegue minha mão, juntos podemos fazer isto.
Essa pode ser uma declaração de toda a família. Imaginem ela chegando em casa, algum dia após a quimio, e encontrando os filhos fazendo uma surpresa. Toda a família reunida, demonstrando todo o amor e suporte que alguém necessita.
Eu vou te amar através disto.
Acho que a nossa protagonista se recupera bem de tudo. Depois de passada a doença, coloca um silicone para se sentir melhor. E começa a ajudar as pessoas ao seu redor que estão passando pelo mesmo problema, talvez ajudando em alguma instituição voluntária. E o livro poderia encerrar com ela terminando de contar a sua história em um grupo de ajuda.

Sem dúvida, seria um livro de drama. E quem melhor para escrever dramas misturados com doenças do que Nicholas Sparks? Acho que nunca pensei tão rapidamente em um autor para a história do dia!

E então, o que acharam do nosso drama de hoje?

11 comentários:

  1. Eu sou fã do Sparks, ás vezes, rsrs. Awn, que emocionante ç.ç Beem dramático mesmo, ein?! Mas o que mais me atraiu foi o "romance", a declaração do marido, gente, que lindo! Chorei!

    Beijos, Flá. { http://pequenascoisaas.blogspot.com.br/ }

    ResponderExcluir
  2. Nossa, se ele escrevesse valia mesmo pra um daqueles livros chorei horrores. Se bem que ele já escreveu assim né...Mas sempre é bom um novo livro, ficaria legal.

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia essa música!
    Adorei e vou add na minha playlist!
    Beijos
    Rizia - Livroterapias
    http://livroterapias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Minha nossa que musica mais linda *----*
    Tanto em letra, como em melodia e o video é simplesmente encantador. Daria mesmo uma história bem no estilo do Sparks mesmo, e acho que não conseguiria pensar em outra pessoa também para esse tipo de livro.

    Beijos da Lua =*
    www.tyciahadiresenhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. A música é linda, parece até como uma despedida de alguém!

    ResponderExcluir
  6. Se fosse o Nicholas, ela morreria no final. rs
    Tá, não é engraçado, mas ele realmente não tem medo de terminar seus livros com tragédias. Aliás, câncer é uma droga e nem sempre acaba bem.
    Mas independente do final, seria uma linda história de amor. Não como essas que vemos por aí, que o cara vê a menina pela primeira vez e já diz que ama e os dois vivem felizes para sempre.
    Amor é isso aí, é estar do lado, dar suporte e passar por tudo junto, nas horas boas e nas ruins, até o final.
    Adorei.
    obs: Esta é de longe minha coluna favorita!
    bjs

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia a música, mas é bem emotiva.
    Daria uma ótima trama, =D

    ResponderExcluir
  8. Realmente isso seria com o Sparks!
    Eu ri da parte do coloca um silicone!

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia a música, geralmente não gosto de música country, mas quase chorei quando vi a tradução da letra (tpm aqui), Lembrei do Sparks antes mesmo de ser citado.

    ResponderExcluir
  10. Sim, a música tem tudo a ver com o Sparks e suas histórias, perfeito!
    Que emocionante essa letra, forte, triste... Perfeito.

    ResponderExcluir
  11. Tami, espero que você fique contente, esta coluna 'músicas que dariam um filme' me ajuda muito a escolher uma música para levar para os meus alunos de inglês.

    Já indiquei teu blog também. com certeza.

    ResponderExcluir