terça-feira, março 13, 2012

Resenha: 4 de Julho

. .


4 de Julho
Autor: James Patterson
Editora: Arqueiro
Páginas: 207
Link no Skoob: http://www.skoob.com.br/livro/186846
Sinopse: A  tenente Lindsay Boxer não podia vacilar: era matar ou morrer. Ela estava na mira de uma arma. Se não puxasse o gatilho da sua pistola, a Polícia de São Francisco perderia um dos seus melhores oficiais. Lindsay não teve dúvida, afinal era legítima defesa. O resultado: uma adolescente morta, uma cidade dividida e a tenente no banco dos réus. Antes de ser levada a júri, Lindsay resolve descansar na pitoresca Half Moon Bay. Mas não é exatamente descanso o que ela encontra. Uma série de crimes vem assustando a pequena cidade. Não há pistas nem testemunhas. Porém um detalhe intriga a tenente e pode ter ligação com um caso jamais resolvido. Com a ajuda das amigas Claire e Cindy nas investigações, Lindsay corre contra o relógio para deter a onda de assassinatos. Enquanto isso, conta com o auxílio da advogada Yuki Castellano para provar que é inocente da acusação que pesa sobre seus ombros.
Resenha: Esse livro faz parte da série "Clube das mulheres contra o crime", que já possui 5 livros lançados no Brasil - os três primeiros pela editora Rocco e os dois últimos pela  Arqueiro.

#2 - 2ª chance
#3 - 3º grau
#4 - 4 de Julho
Interessante essa jogada dos nomes não acham?

Esse foi o primeiro livro do James Patterson que li. Não sei se tomei a decisão certa lendo o quarto livro logo de cara - senti que faltou um melhor contato com os personagens, suas características e motivações. Como já estamos no meio da série, as apresentações são dispensadas e os personagens simplesmente aparecem como velhos amigos durante o desenrolar do livro. Essa falta de intimidade com os personagens me incomodou um pouco, não consegui realmente entender e me conectar com eles na história.

Porém isso não influenciou no entendimento do livro. Podemos ler tranquilamente e compreender todas as tramas sem problemas ou confusões - a história desse livro me pareceu bem independente dos outros. Ele se foca basicamente em dois casos paralelos: o julgamento de Lindsay e os crimes que vem ocorrendo em Half Moon Bay. Não sei porque, mas o julgamento me agradou - e convenceu - mais.

Os capítulos são extremamente curtos - duas páginas quando muito. Essa característica faz com que a história acabe ficando um pouco superficial, já que, no momento em que estamos nos envolvendo com a história, o capítulo acaba e corta para o próximo. O único ponto positivo disso - para mim - é que parece que o livro flui de forma muito mais rápida.

Sobre as tramas, o caso dos assassinatos não me convenceu muito. Achei a resolução simples e muito rápida, para os padrões desse tipo de livro. O julgamento achei interessante. Mostrou o lado dos advogados, da mídia - que sempre vê só um lado da história -, da tenente e de seus amigos. É interessante ver como um mesmo fato pode ser contado de diversas formas, dependendo do seu ponto de vista - e da cara de pau de quem está contando.

É um livro leve e de leitura rápida. Não é uma história que vá ficar para sempre na minha cabeça, mas confesso que fiquei um bom tempo pensando sobre alguns pedaços dele - em especial sobre o papel da mídia nos julgamentos. Para quem gosta da dupla investigação/júri, é uma boa pedida.  Apesar das minhas críticas, gostei bastante. Provavelmente volte a ler outros livros do Patterson, mas acho que vou tentar fugir das séries dele um pouco para evitar essa falta de contato com os personagens (ou ler a partir do primeiro livro).

O ruído contínuo da respiração artificial não me deixava esquecer do que eu tinha feito na noite de 10 de maio. Angustiada, também senti dificuldade para respirar. (pág. 136)

5 comentários:

  1. Tenho uma baita curiosidade com essa série.
    Nunca li nem assisti o seriado.
    Mas ambos estão nas listas do que tenho que ler e assistir.

    Bjs
    Bia
    www.amormisterioesangue.com

    ResponderExcluir
  2. Eu simpatizei com essa série só por causa dos nomes, rsrs. Achei suuper legal os títulos sempre na ordem dos números e tal, muito interessante meesmo. Eu confesso que não curto muito livros desse gênero, com assassinatos, casos investigativos e policiais e tal :/ Mas eu acho que até daria uma chance á essa série por causa do autor. To ansiosa para ler o romance dele: O diário de Suzana para Nicolas; e se eu gostar da narrativa do James, é possível que eu queira ler a série.
    Amei sua resenha, super objetiva. É meio chato começar uma série pela metade dela né? Eu não consigo fazer isso :/ Mas ainda bem que dá pra entender o enredo principal!

    Beijos,
    @flafsbp
    { http://17ezesseteinvernos.blogspot.com/ }

    ResponderExcluir
  3. Gostei dessa série:série "Clube das mulheres contra o crime"!Tenho o 5º Cavaleiro e gostei bastante da sinopse.

    ResponderExcluir
  4. queria ler esse livro mas vou esperar até eu puder ler os primeiros, pra ter mais intimidade com os personagens, deve ser melhor o/

    ResponderExcluir
  5. Muito boa a resenha! Curiosa para ler!

    Bjinhos

    http://manialiteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir