quarta-feira, março 07, 2012

Filme: Quase Deuses

. .


Título original: Something the Lord made
Estreia no Brasil: 30 de maio de 2004
Sinopse: A historia de dois homens, um branco, cardiologista, e seu assistente negro, que lutaram contra os preconceito dos anos 50. Juntos revolucionaram a medicina e foram pioneiros em cirurgia cardíaca. 
Opinião: Sinto uma grande pena quando um filme desses não é feito para o cinema. Ele foi produzido pela HBO em 2004 e ganhou o Emmy de "Melhor filme para TV". Conta a história de Vivien Thomas - um carpinteiro negro que sonha conseguir juntar dinheiro para a sua faculdade de Medicina - e Alfred Blalock - um médico renomado do Hospital Johns Hopkins. A história dos dois é verdadeira, e foi baseada no artigo "Something the Lord made", escrito por Katie McCabe. Vivien e Alfred realizaram a primeira cirurgia cardíaca do mundo - e em um bebê! - em uma época que o coração era um órgão intocável. Só por esse motivo o filme já teria tudo para ser brilhante, mas tem mais.


O filme começa em plena década de 30, auge da grande depressão nos Estados Unidos e uma época cheia de preconceitos. O assunto não chega a ser abordado tão explicitamente no filme, mas temos cenas delicadas como Vivien saindo da calçada para uma pessoa branca passar, sendo confundido com um faxineiro, vemos banheiros separados para brancos e negros... e por aí vai. Alguns então podem estranhar: como, em uma época com tanto racismo, um negro conseguiu ser assistente de um médico renomado? Na verdade, Vivien foi contratado por Thomas para limpar o laboratório e cuidar dos cachorros, porém aproveitava as horas vagas para ler alguns livros de Medicina - sua paixão. O médico percebeu essa vontade e começou a conversar com Vivien. Acabou descobrindo a facilidade que ele tinha para aprender coisas e, a partir daí, passou a ser um parceiro no laboratório.


O filme é de uma delicadeza ímpar. Alan Rickman e Mos Def passam com perfeição os sentimentos dos personagens. E mesmo conhecendo parte do clímax do filme (a cirurgia), a cena consegue ser tão bonita que é quase impossível não se emocionar. O fato de ser baseado em uma história real - e em uma história real tão bonita - é algo que deixa o filme ainda melhor. É uma história de luta contra os preconceitos, sobre a importância de seguir os seus sonhos, sobre uma evolução no campo médico que permitiu salvar muitas vidas... é uma história linda.


É um filme relativamente calmo, não tem nada de ação. Mas é um calmo que te chama a atenção, não um calmo para dormir. A única coisa que estranho no filme é como os anos passam rápido. Quando vemos, já se passaram 15, 20 anos - e o fato dos personagens não envelhecerem muito não ajuda. Mesmo assim, com o passar dos anos, é interessante ir notando também a mudança na forma como os negros vão sendo tratados, pouco a pouco diminuindo o preconceito.


Não gosto muito de só falar bem de um filme porque cria muitas expectativas, mas acho que esse merece. É um filme que passa tranquilamente despercebido em uma locadora ou em um torrent, então aqui vai a dica. No pior dos casos vocês vão terminar o filme conhecendo um pouco mais da história da medicina.

5 comentários:

  1. Já assisti esse filme e recomendo, pra quem gosta do tema é um prato cheio.

    ResponderExcluir
  2. Esse filme é ótimo!!Super recomendo.

    Fabianne

    ResponderExcluir
  3. Realmente, esse filme passaria super despercebido por mim em alguma locadora, porque não gosto muito de medicina, cirurgias e tal :B Sempre "odiei" biologia, acho que é mais nojo do que ódio sabe, não sei explicar direito, rsrs.
    Mas sabendo que trata-se também de um pouco de história, falando sobre os negros e talz, achei super interessante! Sempre gostei de história. Se eu tiver oportunidade vou assistir concerteza!

    Beijos,
    @flafsbp
    { http://17ezesseteinvernos.blogspot.com/ }

    ResponderExcluir
  4. Eu simplesmente amo esse filme! *----*
    Estudante da área de saúde também neh?! Não podia ser diferente!...
    É uma história muito linda, assisto quantas vezes for sem enjoar... rsrs

    beijos

    ResponderExcluir
  5. não gosto dessa are pra estudar mas em filmes e series eu amo *-*
    pelo visto parece ser uma historia mt linda mesmo :D
    se eu tiver oportunidade irei assisti-lo

    ResponderExcluir