terça-feira, novembro 29, 2011

Resenha: Radiante

. .


Informações do livro
Título: Radiante
Autor: Alyson Noël
Editora: Intrínseca
Páginas: 184
Link no Skoob:
http://www.skoob.com.br/livro/166798


Resumo do livro
Algum tempo após o acidente de carro que a matou, Riley Bloom deixou sua irmã, Ever, no mundo que conhecemos e atravessou a ponte da vida após a morte até um lugar chamado Aqui, onde o tempo é sempre Agora. Riley reencontrou os pais, também vítimas do desastre, e Buttercup, o cão da família. Todos estavam se adaptando a uma morte boa e tranquila, até que ela foi chamada perante o Conselho e um segredo lhe foi revelado: a pós-vida não significa simplesmente uma eternidade de lazer. Riley tem tarefas a realizar. Ela é designada como Apanhadora de Almas, e Bodhi, um garoto diferente, que ela não consegue decifrar muito bem, é seu guia. Riley, Bodhi e Buttercup voltam à Terra para sua primeira tarefa: fazer o Menino Radiante, que há anos assombra um castelo na Inglaterra, atravessar a ponte. Muitos Apanhadores de Almas já tentaram convencê-lo e não obtiveram sucesso. Mas isso foi antes que o menino conhecesse Riley...


Resenha
Nunca li um livro da série "Os Imortais" para poder comparar se os personagens estão parecidos, se as histórias se encaixam e coisas desse tipo. Então minha opinião vai se basear puramente na história em que conheci lendo Radiante, primeiro livro da série "Riley Bloom".

Gostei do livro. Não é nenhum livro marcante, mas é simples e super tranquilo de ler. Não tem um grande suspense que te faça querer ler correndo o livro, mas ao mesmo tempo alguma coisa me fez ler ele super rápido. 

Riley é uma menina que vai para o "outro lado" (que no livro é chamado de Aqui) e se sente injustiçada por isso. Lá ela conhece o Bohdi (ou Bobão, como ela chama) e descobre que ele será o seu guia. A partir daí começam algumas (poucas) tarefas que Riley tem que enfrentar nesse livro.

Uma coisa que poderia ser melhor explorada é justamente o que mencionei antes, o suspense. Não sei como é na série Imortais (talvez seja um estilo - ou problema - da autora) mas as coisas são resolvidas de forma muito rápida. Aquelas situações que poderiam ser melhor aproveitadas, explicadas, acabam ficando superficiais, fica difícil acreditar que a menina não tem nenhum grande problema ao resolver coisas que milhares de pessoas tentaram antes dela. Mais de uma vez senti que estava chegando numa parte importante da história e quando vi... já tinha terminado. Isso aconteceu não só com as partes de suspense, mas também com algumas explicações que o livro tenta dar.


Tirando isso, recomendo. Uma boa leitura para quem quer passar o tempo. Vamos ver se o segundo livro da série (Luminoso) vai seguir o mesmo estilo. Ao menos a capa é tão bonita quanto!

0 comentários:

Postar um comentário